Um filme de Marcos Medeiros


Filme





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.




Título:
Um filme de Marcos Medeiros
Número de Item: Número de Registro:
00823KIN00064FC -
Uso e acesso:
Consulta local com agendamento
Coleção:
00823KIN - Kinoforum
Companhia Produtora:
Quark Filmes
Autoridades: Classificação:
Sérgio ZeiglerProdução
Flávio Ribeiro de OliveiraRoteiro
Ricardo EliasRoteiro
Ricardo EliasDireção de fotografia
Arthur AutranMontagem
Marlui MirandaMúsica
Francisco José MosqueraSom direto
Luiz AdelmoMixagem
Guilherme MedeirosElenco
Vladimir PalmeiraElenco
Carlos Henrique EscobarElenco
Mário CarneiroElenco
Local de Produção:
São Paulo - São Paulo - Brasil
Data de Produção: Data de Lançamento:
1999 -
Bitola: Cromia:
16 mm Cor e PB
Produção:
Nacional
Idioma: Classificação:
PortuguêsOriginal
Metragem total - Tipo: Duração:
Curta-Metragem 0h 31min 0s

Sinopse/Descrição:

"A história recente do país através da trajetória do líder estudantil e cineasta Marcos Medeiros." (FBCU/6)

"Marcos Medeiros, líder estudantil e cineasta (co-diretor de HISTORYA DO BRAZIL junto com Glauber Rocha), tem sua vida lembrada por amigos e parentes." (FGR/28)


Melhor Documentário em 16mm (Prêmio Brasil 500 Anos), 32º Festival de Brasília (1999), Prêmio Especial do Júri, Prêmio Pery Ribas no 47º Festival de Gramado (2000).


Gênero:
Documentário
Descritores Onomásticos:
Marcos Medeiros; Festival de Gramado