Vento Contra


Filme





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.




Título:
Vento Contra
Número de Item: Número de Registro:
00138PRE00062FM FM00047-16B(1)
Uso e acesso:
Consulta local com agendamento
Coleção:
00138PRE - Prêmio Estímulo
Companhia Produtora:
Oca Cinematográfica
Autoridades: Classificação:
Francisco Ramalho JúniorDireção de produção
Adriana MattosoDireção
Adriana MattosoRoteiro
Zetas MalzoniDireção de fotografia
Eduardo PoianoDireção de fotografia
Helder TitoMontagem
Romeu QuintoDireção de som
Mai MazriDireção de som
Local de Produção:
São Paulo - São Paulo - Brasil
Data de Produção: Data de Lançamento:
1981 16/11/1981
Bitola: Cromia:
16 mm Cor
Produção:
Nacional
Idioma: Classificação:
PortuguêsOriginal
Metragem total - Tipo: Duração:
Média-Metragem 0h 30min 0s

Sinopse/Descrição:

Documentário sobre a luta dos moradores das regiões das praias de Trindade, Laranjeiras e do Sono, próximas a Paraty, no Estado do Rio de Janeiro, para fazer valer seus direitos de posse sobre a terra que ocupam há 200 anos. Com a construção da rodovia Rio-Santos, que trouxe consigo a especulação imobiliária da região, famílias de pescadores e agricultores se veem constantemente ameaçados por empresas multinacionais, que os expulsam de suas terras para realizar projetos de desenvolvimento turístico, agropecuária para exportação, condomínios fechados e indústrias. Além da luta desigual pela terra, o filme registra as mudanças ocorridas no modo de vida dos moradores locais, e as modificações da paisagem na região de Paraty após a construção da rodovia.


Prêmio Estímulo da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, 1980.


Gênero:
Documentário
Descritores:
praia; política; rodovia; ecologia; turismo
Descritores Geográficos:
Paraty - Rio de Janeiro - Brasil