Cinema e religião


Vídeo





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.



--Título:
Cinema e religião
Número do Item: Número de Registro:
00425CNS00012VD -
Uso e acesso:
Consulta local sem agendamento; Divulgação virtual
Coleção:
00425CNS - Cinema no Século
Companhia Produtora:
Museu da Imagem e do Som de São Paulo
Autoridades: Classificação:
Museu da Imagem e do SomProdução
Jean-Claude BernardetPalestrante
Ismail XavierCoordenação
Local de Produção:
São Paulo - São Paulo - Brasil
Data de Produção: Data de Lançamento:
03/05/1994 -
Suporte/Formato:
DVD Cópia
Sistema: Cromia:
NTSC (National Television Standards Committee) Cor
Áudio: Produção:
Estéreo Nacional
Idioma: Classificação:
PortuguêsOriginal
Duração
0h 88min 7s

Sinopse/Descrição:

Jean Claude Bernardet faz uma análise de filmes que abordam comportamentos e problemas religiosos. Divide sua palestra em três momentos: Anos 60 - período em que foi discutida a primeira questão religiosa no cinema brasileiro; comenta os filmes “BARRAVENTO” de Glauber Rocha e “VIRAMUNDO” de Geraldo Sarno, ambos trabalham com o conceito de alienação.

Anos 70 - período em que essas questões foram desenvolvidas; aborda as mudanças de concepções nos filmes e tece comentários sobre os filmes “O PAGADOR DE PROMESSAS” (Anselmo Duarte) e “AMULETO DE OGUM” (Nelson Pereira dos Santos).

Questões sobre filmes religiosos e filmes sobre religião. Analisa os filmes “ILHA DAS FLORES”, “O DIA EM QUE DORIVAL ENCAROU A GUARDA” (Jorge Furtado) e “BARBOSA” (Jorge Furtado e Ana Luisa Azevedo).


Gênero:
Palestra
Descritores:
cinema; cinema brasileiro; religião; cultura; cineasta; roteirista; escritor
Descritores Onomásticos:
Geraldo Sarno; Glauber Rocha; Jorge Furtado; Anselmo Duarte; Nelson Pereira dos Santos; Ana Luiza Azevedo