Musicais no Cinema - Entrevista com Ricardo Van Steen


Vídeo





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.



--Título:
Musicais no Cinema - Entrevista com Ricardo Van Steen
Número do Item: Número de Registro:
00859MUA00004VD -
Uso e acesso:
Divulgação virtual
Coleção:
00859MUA - Musicais no Cinema
Companhia Produtora:
Museu da Imagem e do Som de São Paulo
Autoridades: Classificação:
Ricardo Van SteenEntrevistado(a)
Duda LeiteEntrevistador(a)
Renata LetíciaProdução
André PacanoCinegrafista
Daniele DantasCaptação de som
Local de Produção:
Museu da Imagem e do Som - São Paulo - São Paulo - Brasil
Data de Produção: Data de Lançamento:
19/09/2019 -
Suporte/Formato:
HDD (Hard Disc)
Sistema: Cromia:
NTSC (National Television Standards Committee) Cor
Áudio: Produção:
- Nacional
Duração
0h 39min 0s

Sinopse/Descrição:

O publicitário e cineasta Ricardo Steen fala sobre seu interesse por Noel Rosa, sua relação com o samba; destaca a extensa produção do artista, e ainda a criatividade publicitária; fala sobre a troca do elenco e a escolha de Rafael Raposo para o papel principal; fala sobre a preparação dos atores; comenta sobre a seleção das músicas para o filme por questões de roteiro, impedimentos legais.

Fala sobre o samba e carnaval como referencias; comenta sobre algumas referencias em cinema brasileiro, como Orfeu negro; destaca ainda os filmes estrangeiros com Fred Astaire; fala sobre o formato popular dos musicais enquanto gênero cinematográfico; destaca a lacuna de conhecimento a respeito da História da música.

Comenta sobre peças de teatro de revista; fala sobre a escolha de Supla para o papel do Mário Lago; destaca a carreira de Seu Jorge como ator; conta sobre o processo de preparação do personagem do batedor de carteira; fala sobre sua predileção para filmes históricos; comenta sobre projetos futuros e trabalhos realizados pra TV; fala sobre sua participação na direção de arte no longa-metragem “Pacified”; a entrevista se encerra.


Gênero:
Entrevista
Descritores:
produção cinematográfica; cinematografia; biografia; samba; carnaval; publicidade; musical
Descritores Onomásticos:
Noel Rosa; Marcelo Serrado; Fred Astaire; Supla; Mario Lago; Rafael Raposo