Vídeo





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.



Quantidade de registros: 3014

Entrevista com a cantora e compositora Zélia Cristina Gonçalves Moreira, conhecida por Zélia Duncan, nascida em Niterói, Rio de Janeiro, no dia 28 de outubro de 1964; ela fala de sua infância, seu nome é uma homenagem à sua avó materna, que havia sido abandonada pelo seu avô quando Zélia n...
Cleber Papa apresenta o Programa. Cleber destaca a atuação do músico em diversos gêneros; o músico nasceu em Joaíma, MG, em 23/07/1972; comenta sobre as lembranças afetivas do local; fala sobre o alto-falante na fazenda de seus pais que tocava a Rádio Nacional; fala sobre o contato que teve...
Criação da Bienal de São Paulo, Ciccillo Matarazzo e seu objetivo de reunir o "processo social" com a Arte. Comenta que Matarazzo valorizava o artista. Critérios utilizados para a seleção das obras.
Fala sobre a origem da Bienal; criação da Bienal brasileira sem conceituação, divergência entre Bardi e Ciccillo Matarazzo. Seus trabalhos recusados. Participação na Bienal de Veneza, viagem ao Japão.
Primeiras Bienais, os presidentes, os funcionários, os bastidores da Bienal, suas impressões sobre a falta de profissionalismo na Bienal, as exposições sem sentido para ele; artistas como Duchamp e Oiticica - acredita que deve-se escrever sobre suas obras e Não expô-las, pois seus suportes est...
Falam sobre a história da Bienal, do "clubinho" onde nasciam as polêmicas sobre a Arte e suas várias tendências no Brasil nesse período.
História da Bienal, os prêmios dados sem muito critério, os jurados escolhidos, a posição do terceiro mundo em relação às artes, prêmio na VI Bienal.
Bienais dos anos 40, o Museu de Arte Moderna, o "clubinho", seu próprio trabalho, as obras apresentadas por artistas do Rio e de São Paulo na 1ª Bienal, a repercussão da Bienal sobre a população - surgiram padarias com o nome de Bienal, tecidos Bienal, etc.., pessoas que participaram das Bien...
Fala sobre as Bienais, os artistas que participaram, o panorama das Artes Plásticas em São Paulo e Rio de Janeiro.
Seu Neco, auxiliar de Ciccillo Matarazzo, fala sobre as primeiras Bienais, sobre Ciccillo e sua idéia de levar a Arte para o interior, fazer exposições em bairros mais distantes e estimular a criança a conhecer a Arte de maneira geral. Fala de suas obras preferidas.