20 Gaúchos que Marcaram o Século XX: Padre Landell de Moura


Vídeo





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.



--Título:
20 Gaúchos que Marcaram o Século XX: Padre Landell de Moura
Número do Item: Número de Registro:
- VB00201
Uso e acesso:
Consulta local sem agendamento
Autoridades: Classificação:
Oscar SimchNarração
Zé Victor CastielNarração
João Guilherme BaroneDireção
Data de Produção: Data de Lançamento:
03/05/2007 -
Idioma: Classificação:
Português

Sinopse/Descrição:

Em promoção da RBS TV, os gaúchos foram convocados a votar nos principais personagens do Rio Grande do Sul do século XX. Foram espalhadas pelo Estado 360 urnas. Os eleitores eram auxiliados por uma lista de 45 nomes indicados pela RBS a partir de uma seleção prévia realizada pelos historiadores Luiza Kliemann, Luiz Roberto Lopez e Moacyr Flores, além do jornalista Carlos Urbim. Quem votava podia indicar o número de candidatos e também nomes que não constassem da lista. As 1.776.997 cédulas depositadas foram escrutinadas por detentos do Presídio Central de Porto Alegre.

Um dos 20 personagens escolhidos pelo povo foi o Padre Roberto Landell de Moura, nascido em Porto Alegre em janeiro de 1861, graduado em Física e Química na Universidade Gregoriana de Roma. Sua formação foi fundamental para a realização de experiências revolucionárias. Landell de Moura inventou o transmissor de ondas, o telégrafo e o telefone sem fio, mas foi considerado louco por seus conterrâneos. Morreu em 30 de junho de 1928.


Gênero:
Documentário; Entrevista
Descritores Geograficos:
Rio Grande do Sul - Brasil
Descritores Onomásticos:
Dom Ivo Lorscheiter; Otto Albuquerque; Landell de Moura, Pe.