Vídeo


Vídeo





O acervo do MIS está disponível apenas para consulta local gratuita. O usuário é o único e exclusivo responsável pelo respeito aos direitos autorais, personalíssimos e conexos das obras pesquisadas. É vedada a reprodução de obras originais ou cópias, no todo ou em parte, de qualquer forma e para qualquer finalidade, em conformidade com a Lei 9.610 de 19.02.1998


Para reprodução de qualquer obra, original ou cópia, em quaisquer meios e mídias e para quaisquer fins, e para solicitação de empréstimos, o interessado deverá seguir os procedimentos estabelecidos pela Política de Acervo do Museu. Para informações sobre empréstimo, reprodução e demais usos, entre em contato com a equipe do CEMIS através do Fale Conosco.



Quantidade de registros: 3146

Mais que contar as histórias de um menino sonhador e de uma violeira muito "braba",esses dois filmes propõem uma imersão no universo do Mato Grosso e do Mato Grosso do Sul, área do Brasil pouco visitado pelo cinema. O curta-metragem Pobre é quem não tem jipe, prêmio revelação no Festival de...
(0:00:59) – Entrevistadora inicia informando data, nome do projeto e pessoas envolvidas na entrevista. Entrevistadora solicita que o entrevistado faça um breve resumo de sua trajetória profissional até chegar ao governo do estado, entrevista ligação de sua família com política, sua militân...
A colaboração da cidade de Porto Feliz/SP, reconstitui a viagem de uma caravana de bandeirantes. Em visita a casa dos bandeirantes em São Paulo reconstitui-se também o cotidiano de uma vila típica das bandeiras.
Plácido de Campos relata o projeto “Ação Arte” no Vale do Paraíba, em que os profissionais do museu se deslocavam até uma região e promoviam ciclos de história do cinema, debates com cineastas e oficinas de Super 8. Guilherme completa que oito cidades foram atendidas. Rudá diz que n...
Compositor, instrumentista e cantor. Seus primeiros contatos com a música; sua infância na cidade de Salvador/BA; a influência dessa cidade em sua vida; o início de sua carreira; seu processo de criação; o Tropicalismo; os festivais dos anos 60; sua experiência na televisão.
Sua infância no interior de Minas Gerais. Formação universitária em Vitória/ES. Formação política; sua vinda a São Paulo; viagem à Europa; descoberta da fotografia; estudo fotográfico; viagem ao interior da África; abandono do seu trabalho de Economista. Início do trabalho de fotografia...
Fotógrafo. Sua infância; sua família; seu trabalho como fotógrafo de imprensa no Jornal de Brasília; grupo de fotógrafos "Luiz Humberto"; ligação principal com a fotografia; trabalho de documentação da Belém-Brasília; viagem à Rondônia. Desafio da realização da Ferrovia Madeira-Mamor...
Fotógrafo. Sua infância; sua família; seu trabalho como fotógrafo de imprensa no Jornal de Brasília; grupo de fotógrafos "Luiz Humberto"; ligação principal com a fotografia; trabalho de documentação da Belém-Brasília; viagem à Rondônia. Desafio da realização da Ferrovia Madeira-Mamor...
Jornalista, historiador, fotógrafo, cineasta, pesquisador e engenheiro. Sua infância; formação em jornalismo; primeira reportagem sobre a "Estrada de Ferro"; expedição pelo Brasil e o interesse pela fotografia. Início como historiador; críticas dos acadêmicos de história; questão do Brasi...
Jornalista, historiador, fotógrafo, cineasta, pesquisador e engenheiro. Sua infância; formação em jornalismo; primeira reportagem sobre a "Estrada de Ferro"; expedição pelo Brasil e o interesse pela fotografia. Início como historiador; críticas dos acadêmicos de história; questão do Brasi...